No quadro do Programa de Emergência para a Mitigação da Seca e do Mau Ano Agrícola a execução da medida 3 (Criação de emprego público), sob a alçada da Delegação do MAA em parceria com a Câmara Municipal da Brava, tem decorrido a um bom ritmo em toda a ilha

Na zona de Ancião já foi feita a recuperação de um poço de 20 m3, do reservatório e espelho de captação em Posto (Cachaço) e construção de bebedouros. Em Aguadinha está-se a recuperar a nascente para disponibilizar água para os animais, empregando 11 chefes de família. Para o abeberamento do gado, diariamente é disponibilizado um autotanque para o transporte de água aos criadores.

Em Lomba Tantum fez-se a limpeza e melhoria do acesso e em Ferreiros, a limpeza de 5 hectares de terrenos agrícolas infestados com acácias, melhorias na rede de adução e distribuição de água aos agricultores visando o seu uso racional, criando emprego a 32 chefes de família, sobretudo mulheres.

Além da limpeza das estradas de penetração e caminhos vicinais em toda a extensão da Ilha, houve melhoria da estrada de acesso ao perímetro agrícola de Sorno empregando neste momento 20 chefes de família. Até à presente data cerca de 187 empregos já foram criados no município no âmbito do PESMAA.

Relativamente ao Salvamento de Gado, inicialmente notou-se alguma insuficiência na quantidade de ração por conta da irregularidade dos transportes, entretanto esta situação foi ultrapassada com a chegada na ilha de 27 toneladas de ração para ruminantes e com a previsão de um novo carregamento para breve. Prossegue a atribuição de Vales-Cheques para bonificação na aquisição de alimento para o gado. A situação zoo-sanitária dos rebanhos é estável e não se regista infestações de ectoparasitas.